Total de visualizações de página

Com dores na coxa, Seedorf inicia tratamento: 'Que não seja grave'

Após deixar o jogo aos prantos no primeiro tempo, holandês lamenta: 'Estou jogando um ano e meio direto e, às vezes, o corpo quer descansar também'

 

Por Thales Soares Rio de Janeiro


video
 
A vitória contundente por 4 a 0 sobre o Atlético-GO teve um momento de drama para o Botafogo. Aos 34 minutos do primeiro tempo, depois de uma cobrança de escanteio, Seedorf ficou fora do campo alongando a perna direita, com dores na coxa, e foi atendido pelo médico Luis Fernando Medeiros. Imediatamente, decidiu-se pela sua substituição.

Seedorf caminhou lentamente por trás do gol defendido por Márcio em direção ao banco de reservas de Botafogo. Parou algumas vezes, chorou (veja no vídeo acima). Recusou o carrinho maca e teve seu nome gritado pelos torcedores ao passar diante do Setor Oeste. Sentou no banco e iniciou o tratamento com gelo no local.

- Essa reação neste momento é a sensação de não poder participar. É a preocupação direta que eu tenho, sabendo que esse é um momento muito importante para o time. Saber que eu não posso participar dá uma sensação de vazio - explicou o holandês, em entrevista ao Premiere FC.

seedorf Botafogo x Atlético-GO (Foto: Dhavid Normando/Futura Press/Agência Estado) 
Seedorf deixa o campo com dores na coxa direita (Foto: Dhavid Normando/Futura Press/Agência Estado)
 
 
Na volta para o segundo tempo, Seedorf sequer se juntou aos companheiros novamente no banco de reservas. Ele ficou no vestiário, fazendo tratamento. Um exame de imagem será feito no local, mas pode acontecer apenas segunda-feira, já que a clínica credenciada pelo Botafogo e de confiança do departamento médico só volta a funcionar daqui a dois dias.

- Agora a gente não sabe o que tem ainda. Em 48 horas, vamos poder fazer uma ressonância… Espero que não seja muito grave. Estou jogando desde agosto do ano passado, um ano e meio direto e, às vezes, o corpo quer descansar também - desabafou.

Botafogo 6 últimas rodadas (Foto: Editoria de Arte / Globoesporte.com)


Em setembro, Seedorf havia perdido dois jogos por causa de uma contratura na coxa esquerda. Dos 25 jogos disputados pelo Botafogo desde a sua estreia, no dia 22 de julho, na derrota por 1 a 0 para o Grêmio, no Engenhão, ele só não participou de quatro.

O próximo jogo do Botafogo é contra o Palmeiras, dia 4 de novembro, em Araraquara, pelo Campeonato Brasileiro. Com a vitória sobre o Atlético-GO, o time chegou ao sexto lugar, com 50 pontos.