Total de visualizações de página

Marin revela reunião para tratar de violência e diz: 'A CBF está indignada'

Presidente se encontrará na próxima quinta-feira com o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, para debater sobre a violência nos estádios de futebol

Por Rio de Janeiro

                                                  VÍDEO - CLICAR NA SETA PLAY

video

Após a briga entre torcedores de Atlético-PR e Vasco, no último domingo, em Santa Catarina, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, convocou uma reunião com o presidente da CBF, José Maria Marin, para a próxima quinta-feira, em Brasília, para debater sobre a violência nos estádios de futebol.

O encontro foi revelado na tarde desta terça-feira por José Maria Marin, após uma reunião com presidentes de alguns clubes na sede da CBF. Segundo ele, que se mostrou indignado com as imagens, a lei deve ser aplicada.

- Fomos convidados pelo ministro Aldo Rebelo para uma reunião na próxima quinta para abordar o problema de violência devido aos fatos lamentáveis ocorridos no jogo entre Vasco e Atlético-PR. A CBF está indignada com os acontecimentos e vamos acompanhar de perto. A lei será aplicada e, principalmente, o Estatuto do Torcedor.

Aos 16 minutos do primeiro tempo o futebol deu lugar à violência. Torcedores do Atlético-PR e do Vasco entraram em conflito. Sem policiamento interno no estádio, a arquibancada se transformou em um campo de batalha. Quatro torcedores acabaram internados, mas nenhum com risco de morte. O jogo ficou parado por 73 minutos.