Total de visualizações de página

Seedorf volta a fazer dois gols em um jogo depois de quase cinco anos

Última vez do holandês havia sido em 2007, pelo Milan, na goleada de 4 a 1 sobre o Shakhtar Donetsk, pela Liga dos Campeões

 

Por Fred Huber e Thales Soares Rio de Janeiro


video
 

Os dois gols de Seedorf chamaram a atenção na vitória por 3 a 1 sobre o Cruzeiro, nessa quarta-feira, na Arena Independência, em Belo Horizonte, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Não só pela beleza dos lances e de sua atuação, mas também por não ser algo comum em sua longa carreira. A última vez em que havia marcado duas vezes em um mesmo jogo aconteceu com a camisa do Milan, na goleada por 4 a 1 sobre o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, no dia 24 de outubro de 2007, pela Liga dos Campeões.

Nessa temporada (2007/2008), Seedorf marcou nove gols em 41 jogos disputados, incluindo um pela seleção holandesa. Pelo Botafogo, chegou a cinco em apenas 12 partidas. Antes, havia marcado nas vitórias por 2 a 1 sobre o Atlético-GO, no Serra Dourada, e por 2 a 0 sobre o Sport, no Engenhão, pelo Campeonato Brasileiro, e contra o Palmeiras, quando o time venceu por 3 a 1, no Engenhão, pela Copa Sul-Americana. Em seu último ano no Milan (2011/2012), fez apenas três gols em 30 jogos.

Seedorf contra o Cruzeiro:
 
Finalizações: 2
Passes certos: 76%
Faltas cometidas: 2
Faltas sofridas: 3
Roubadas de bola: 0
Impedimentos: 1
Bola levantada: 1

- Ele (Seedorf) foi decisivo nos três gols. Nos dois primeiros, complementou bem e foi muito mais brilhante no que não fez (o gol). Arrastou bem pelo lado esquerdo e fez um cruzamento preciso para o Jadson fazer. Ele é brilhante, um craque, desequilibra. As grandes equipes precisam de um jogador assim - disse o técnico Oswaldo de Oliveira.

Na rodada passada, na vitória por 2 a 0 sobre o Coritiba, o craque de 36 anos foi vetado horas antes do confronto. Ele havia deixado o campo na derrota por 4 a 0 para o São Paulo sentindo dores na coxa direita, e um exame de termografia verificou o risco de uma lesão caso fosse escalado. Com o descanso, atuou mais uma vez durante os 90 minutos.

O próximo jogo do Botafogo é contra o Náutico, domingo, às 16h (de Brasília), no Engenhão, pelo Campeonato Brasileiro. O time ocupa a sétima colocação, com 34 pontos, cinco atrás do Vasco, quarto na tabela, que seria o último classificado para a Taça Libertadores do ano que vem.