Total de visualizações de página

Comentarista destaca vontade de Seedorf: 'Veio para jogar futebol'

Dani Monti diz que camisa 10, consagrado na Europa, está no Botafogo para mostrar que pode ser decisivo, como diante do Cruzeiro

 

Por SporTV.com Belo Horizonte e Rio de Janeiro


video
 
Com dois gols e uma assistência, o meia Seedorf foi o grande destaque da vitória do Botafogo por 3 a 1 sobre o Cruzeiro, em Belo Horizonte. Para o comentarista do SporTV Dani Monti, a atuação de gala do holandês mostrou que o camisa 10 alvinegro, aos 36 anos, não veio para o Brasil apenas para encerrar a carreira.

- Ele é um jogador que teve um sucesso incrível, jogou nos melhores times da Europa e veio para o Brasil para mostrar que ainda tinha futebol. A maioria faz o contrário, vem para cá para ficar mais descansado - disse o comentarista, no "Redação SporTV" desta quinta-feira.

Para Dani Monti, Seedorf teve mais espaço para se movimentar contra o Cruzeiro e, por isso, conseguiu conduzir a equipe em campo.

- O Seedorf estava com mais liberdade de movimentação. Ele começou no Botafogo um pouco mais pela esquerda, preso atrás do Elkeson. Contra o Cruzeiro, ele fez um gol pela direita, organizou pelo meio e apareceu.

O jornalista Sidney Garambone, da TV Globo, acredita que a atuação de Seedorf foi praticamente perfeita. Só não merecia nota 10 porque o holandês desperdiçou a oportunidade de fazer o seu terceiro gol na partida aos 36 minutos do segundo tempo, quando tentou encobrir o goleiro Fábio e acabou desarmado pela defesa.

- Eu daria 9,9. Ele perdeu um gol na cara do Fábio. E também é para ele não achar que no Brasil é muito fácil ganhar um 10.

Com Seedorf, o Botafogo volta a campo no próximo domingo, no Engenhão. O adversário será o Náutico.

Seedorf, Cruzeiro x Botafogo (Foto: Paulo Fonseca / Agência Estado) 
 
Seedorf foi o craque da partida contra o Cruzeiro em Belo Horizonte (Foto: Paulo Fonseca / Agência Estado)